Descolamento de Retina

O QUE É?

O descolamento de retina pode ocorrer em qualquer faixa etária, sendo mais comum em pacientes com alta miopia, porém, pode ocorrer qualquer pessoa, portadora ou não de erros refracionais.

É caracterizado pela separação da retina neurosensorial, com acúmulo de líquido sob esse espaço. Como ao se separar da parede ocular a retina deixa de receber suprimento sanguíneo, suas células começam a sofrer e perder suas funções.

Por se tratar de tecido nervoso, assim como nosso cérebro e a medula espinhal, a disfunção retiniana decorrente do descolamento de retina pode deixar sequelas irreversíveis. Os pacientes não tratados perdem a visão central e periférica, podendo em alguns casos, perder completamente a visão (ficar enxergando tudo escuro).

Como ocorre: liquido entrando por ruptura/ rasgão e se acumulando abaixo da retina.

    O QUE É?

    O descolamento de retina pode ocorrer em qualquer faixa etária, sendo mais comum em pacientes com alta miopia, porém, pode ocorrer qualquer pessoa, portadora ou não de erros refracionais.

    É caracterizado pela separação da retina neurosensorial, com acúmulo de líquido sob esse espaço. Como ao se separar da parede ocular a retina deixa de receber suprimento sanguíneo, suas células começam a sofrer e perder suas funções.

    Por se tratar de tecido nervoso, assim como nosso cérebro e a medula espinhal, a disfunção retiniana decorrente do descolamento de retina pode deixar sequelas irreversíveis. Os pacientes não tratados perdem a visão central e periférica, podendo em alguns casos, perder completamente a visão (ficar enxergando tudo escuro).

    Como ocorre: liquido entrando por ruptura/ rasgão e se acumulando abaixo da retina.

      6

      Foto real de retina descolada

      COMO TRATAR?

      Cirurgia: Vitrectomia Posterior ou Retinopexia.

        • A cirurgia deve ser feita o quanto antes, pois a medida em que a retina permanece descolada, as chances de recuperação são cada vez menores. A literatura fala um período crítico de até 7 dias para diminuir as sequelas com maiores chances de se preservar uma boa visão.

          É de extrema importância que o paciente os sintomas iniciais do descolamento de retina. (descritos abaixo)

         

        COMO PREVENIR?

        A prevenção do descolamento de retina se dá através do exame rotineiro, principalmente daqueles pacientes alto míopes, em que o Mapeamento de retina anual se faz necessário, independente de sintomas apresentados. Em outros paciente fora do grupo de maior risco, o mapeamento de retina se faz necessário naqueles que apresentam sintomas de risco para o descolamento do vítreo. São estes:

        Flashes de luz ou moscas volantes, muitas vezes descritas como “teias de aranha” na visão. Paciente com estes sintomas devem ser examinados imediatamente, e quando encontradas lesões de alto risco para o descolamento de retina (como roturas retinianas ou degenerações predisponentes), deverá ser tratado com laser de retina.

        6

        Campo de visão para descolamento de retina inicial

         

        PONTOS ESSENCIAIS

        • Até 100% dos pacientes que são operados de retina irão desenvolver catarata precoce ou tardia no pós-operatório. Logo, a depender da idade, costuma-se indicar a cirurgia combinada de descolamento de retina + cirurgia de catarata em um só procedimento, o que evita um novo procedimento cirúrgico no futuro, além de facilitar o acesso à periferia da retina durante o procedimento, aumentando o índice de sucesso da cirurgia.
        • O pós-operatório da retina é diferente do da cirurgia de catarata. Na maioria dos casos os pacientes precisam ser orientados a ficar olhando para baixo, facilitando a aplicação da retina, já que se utiliza um substituto do vítreo que irá “boiar” dentro do olho, facilitando a retina voltar a colar. Este substituto pode ser o óleo de silicone ou o gás.
        • Curiosidade: Pacientes submetidos a cirurgia de retina em que se precisou inserir o Gás expansor na cavidade vítrea, ficam proibidos de andar de avião até a absorção completa do gás, que pode durar em média 60 dias a depender do gás e da concentração do mesmo. O gás em ambientes de baixa pressão (como dentro do avião) podem expandir ainda mais e causar aumento súbito da pressão ocular, podendo levar o paciente à cegueira.

        Outras Cirurgias e Doenças

        ENTRE EM CONTATO

        Ophthalmo Clínica de Olhos.
        Centro Médico F. Diniz

        Rua Dom Pedro II 407 (Sala 207)
        (Prata – Próximo ao terminal da integração).
        CEP: 58400-565.
        Campina Grande, Paraíba PB.

        Telefones:
        (83)3077-1777 | (83)98187-1777

        contato@clinicaophthalmo.com

        ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS

        AGENDE SUA CONSULTA

        Eduardo Henrique Campos - Doctoralia.com.br